“Em 11 de Abril, nossa Cambura surgiu…”

10ANOS

Rodrigão e Leandro levantaram as taças em 2011 e 2006

A primeira frase do hino do Camboriú FC eterniza a data de sua fundação. Há exatos dez anos, naquela conversa entre amigos, os fundadores do clube talvez não imaginassem que, pouco tempo depois, a então Camboriuense seria um orgulho para o município. Surgiu de mansinho, semiprofissional, mas pouco a pouco foi tomando forma. Hoje, já não é mais somente a Cambura do coração daqueles “loucos”, mas sim de uma cidade inteira.

O hino também diz que “Não importa a distância”, e o Torneo di Viareggio, em 2004, na Itália, foi uma prova disso. Prova de que a Cambura nasceu para ficar e mostrar sua força não só aqui, mas em todo o estado, país e, porque não, atravessar oceanos e envergar o manto “Verde, laranja e branco” no Velho Continente.

Veio 2006 e, com ele, o primeiro título profissional. “Com muita garra e disciplina”, quando ainda eram poucos os que acreditavam no trabalho, erguemos a taça da Divisão de Acesso. Na goleada por 5×0 sobre o JEC, na Arena, em 2007, Camboriú inteiro pode dizer: “Esse time me fascina”. O acesso não veio, mas cada gol, com certeza, foi uma explosão.

Nos títulos das categorias de base, que não foram poucos, o Tricolor mostrou sua força na formação de atletas. “Cada jogo era uma decisão” para craques como Roberson, Ruan e Rodolfo Testoni. Foram cinco taças consecutivas, entre 2004 e 2008, e mais uma em 2011.

Em 2011, inclusive, foi que o “Terror da Baixada” resolveu que era hora de alçar voos mais altos. A temporada começou mal, mas a Cambura, já como Camboriú FC, mostrou porque seu hino canta que “o Tricolor é da virada”, fez uma campanha brilhante na Divisão Especial e, então, ascendeu à elite do futebol catarinense.

Lá permanecemos por dois anos. Em 2013, caímos, é verdade. Mas voltaremos. Porque o Camboriú merece. Porque a Camboriú, cidade, merece. Por que toda nossa torcida, que cresce a cada dia, também merece. Nestes dez anos, a maior conquista da Cambura foi entrar no coração de cada torcedor. Ainda somos uma criança de dez anos. Mas o que importa, mesmo, não tem idade: a paixão pelo clube.

“Em qualquer situação, Cambura do meu coração”

Parabéns, torcedor!

Anúncios

Sobre camboriufc

Clube de futebol profissional de Santa Catarina.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.